The blackest thoughts that try to poison you…

ilustração: rose by mark ryden 2003

Dia frio, úmido e chuvoso.
Vontade de ver TV enrolada nas cobertas
comendo pipoca, mas não dá😦
Ainda tenho mais dois deadlines
a vencer até o final da semana.
Esse fimde vou ficar em casa pra re-organizar tudo
e terminar os últimos ajustes nos papers.
As coisas poderiam ser um pouquinho mas simples…

Pelo menos o Trent foi salvo, junto com todos os mp3,
arquivos de texto, etc etc.
Creio que estará de volta até amanhã

The adversary to your soul
The blackest thoughts
That try to poison you
These storms subside
Lay down your greatest burden
Relinquish that which has control of you
And let yourself through

Fora isso, a vida segue seu fluxo de inevitabilidades.
Como eu sou control freak, odeio quando o controle
está na mão de fatores randômicos e way out of my league.
Dark days, here they come again.
Só posso esperar, esperar e esperar…
E a espera traz agonia e ansiedade pra alguém
que quer sempre resolver tudo, aqui e agora.
Meu presenteísmo exagerado ainda vai me matar.

np:
vnv nation – carry you

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s