loving you was like loving the dead


tive um ataque de trevosidade nas últimas horas e subitamente o type o negative veio a minha mente… fiquei remexendo em várias lembranças perdidas num vácuo espaço-temporal… putz nem parece que esse clipe que posto abaixo, do álbum bloody kisses é de 93, clássico absoluto de longas noites nos anos 90… sem contar outras como christian woman, my girlfriend´s girlfriend, love you to death, do excelente e melancólico álbum october rust. foi uma época bem perturbada na minha vidinha adolescente, cheia de crises e questionamentos que hoje me parecem tão mais simples. para alguma coisa boa a velhice tem que servir hahaha!

o mais engraçado é que peter steele – o vocalista e letrista do type – causava furor no imaginário feminino trevoso da época (o meu aqui incluído diga-se de passagem) com suas letras românticas e perversas, cara de mau, style truculento, voz grave e longos cabelões. eu e mais umas amigas até compramos em conjunto – era importada e cara pra meras estudantes..rs – a playgirl onde ele mostrou seus atributos não-musicais… rs bom né, rs… eu tinha até uma edição com o anthony kiedis do RHCP sem as suas famosas meias…rs

mas voltando ao assunto, que essas músicas são boas até hoje, bah, isso são e merecem ser escutadas atentamente! fuçando o myspace e o site oficial dos caras percebi uma influência do laibach que na época eu talvez não me ligasse, principalmente na atual estética da banda.

mais um detalhinho sobre a canção black n.1 é que o título alude ao número da tinta de cabelo usada por uma namorada do peter steele. lembro que vi ele falando isso numa entrevista na mtv na época. é, quando a programação da mtv não era 100% dominada por fergie, umbrella, pitty e sandy e junior… (sim óbviamente tinha porcarias como vanilla ice, spices, etc) mas nessa época ao menos havia algumas brechas e o type vendeu milhões naquele ano.

Dye ‘em black.
Dye ‘em black.

Black black black black No. 1
She dyes’em black
Black black black black No. 1
Black No. 1.

Loving you
Loving you,
Love loving you
Was like loving the dead.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s