Cassandra Complex @Machina Festival 2

[sensível mode on]

Que showzaço!!!
Peguei a foto lá do flickr do fiberonline 🙂
Morri com Moscow, Idaho e V.A.L.I.S. que tem a ver com Philip K. Dick., entre outras. Estou me arrastando de cansada, então vai ficar pra amanhã meu post-resenha com análises mais precisas no blog Dmonia.

Adorei tudo!

A gente trabalha e rala que nem condenado o ano todo para quê? Para esses pequenos guilty pleasures como ir a SP pra um festival de industrial, encontrar os amigos nerds, dar uma volta na pinacoteca, tomar café na augusta, bater perna nas galerias, beber champagne em plena quinta-feira e dançar what the fuck is wrong with you do combichrist com pessoas que sabem a letra, ver o deadjump tocar cover de hellraiser do suicide commando enquanto vejo um ser com uma camiseta do pinhead, assistir o símbolo com aquele visu super trabalhado ( e levar de quebra uma versão de precious do DM), o aire´n´terre tocar a linda “fading memories” (que eu vi nascer, btw) ou mesmo ouvir um dj bombar a pista com coisas “old school” como los niños del parque do liaisons dangeureses e outros clássicos enquanto o povo gritava! rs. Pequenos momentos de inserção e perdição na cena… Vários vivas às máquinas: guitarras elétricas, notebooks, samplers, drum machines, seqüenciadores, etc.

.. e depois de tudo isso o debate ainda continua nos blogs, flogs, orkuts, msns, etc…

“Music is always my salvation”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s