meme túnel do tempo

Então, a Phynna fez um post estilo flashback que me inspirou a escrever um meme.
Repasse ele a 6 pessoas:
Rogério, Pinta, Urubua, MiGallas, Bia e Perséfone
vcs estão convocados!

O que você estava fazendo em?

…1978 (há 30 anos)
a enfazadinha do subúrbio


lembro de nada pq eu tinha 03 anos. Nunca sei se essa foto é de 77 ou 78 (é a única que eu tenho disponível aqui em casa mas de qualquer forma já mostra a época), eu com a minha cara de invocada/tímida e usando uma blusa laranja – cor que eu adoro e que foi um dos motivos da Drika Dourada ter surgido. Junto comigo está o meu amigo de infância e vizinho Marcelo. O Marcelo foi o primeiro dos meus amigos a comprar uma guitarra e a ter uma banda. Eu vi tantos shows dele que perdi a conta, teve um em que até fui bilheteira e vendia os ingressos no Garagem Hermética..haha

…1983 (há 25 anos)

não, eu não tinha essa idade, mas lembro do filme

Lembro pouquíssima coisa de 83, só que foi um ano bem legal. Eu estava na segunda série e minha professora se chamava Lígia. Minha família estava numa ótima fase e eu podia desfrutar de váaaarias melissinhas e de bonecas e brinquedos.

…1988 (há 20 anos)

um dia me disseram que as nuvens não eram de algodão…

Bá, 88 foi um ano tri bom! Foi um ano bem diferente pois mudei de colégio – fui para o particular e conheci muita gente nova. Entre elas uma guria mais velha que gravou uma fita k-7 da Siouxsie e outra do nitzer ebb e que contava maravilhas sobre a cena na Alemanha, onde ela tinha morado. Lembro desse ano com uma riqueza de detalhes muito grande (mais do que o meu dia de ontem por ex..rs). Também conheci pessoas com realidades bem distintas da minha e isso deu uma grande mexida na minha cabeça. No dia 08/08/88 foi meu aniversário de 13 anos e ganhei um teclado Casio desses bem churrascaria no qual eu tocava várias músicas do Cure. Foi um aniver diferente porque meus pais viajaram e fiquei sozinha com meu irmão mais novo, me sentindo suuuper adulta. Fiz uma festinha pra alguns coleguinhas e amigos mais chegados que acabou no maior pastelão e com maratona de filmes do Jason. Foi realmente um ótimo e feliz ano e no final dele eu até falei pessoalmente com o Humberto Gessinger, que era um dos meus musos na época hahahhaa.

…1993 (há 15 anos)

chris cornell ah chris cornell – tão lindo vc era assim…
em 93, eu me amarrava num cabelão..

93 e seus vestidos trapézio de bolinha (lembram?), cabelão repicado e minhas horas de academia – eu malhei incessantemente nesse ano, parece até estranho lembrar disso rs… 93 e um bando de loucuras e de gente doida que entraram e saíram da minha vida rapidinho.. ano que gerou muitas controvérsias e histórias pra posteridade… no qual conheci pessoas interessantíssimas .. 93 de dias enfurnada nas bibliotecas e noites em shows…. ano de cursinho pré-vestibular (só na metade do ano) – coisa que eu odiava! mas graças ao qual conheci um dos meus melhores amigos até hoje – primeiro a gente se odiou e se achou uns nojentos, depois, uns anos mais tarde nos tornamos realmente amigos, desses com os quais a gente passa séculos sem falar mas quando fala parece que tá tudo congelado no tempo – ha eu falei dele no post de ontem até …. 93, ano em que chutei baldes e até discuti com o grupinho ao qual eu pertencia… ano de muitas, muitas paixões esfuziantes e nada duradouras, hard rock, metal e muito JD.. 93 de clubberzices houses ao estilo crystal waters e deelite e danças no queijinho no mundo gls… 18 anos e excessos… foi um ano duc@# e nem a ultra deprê que eu tive devido a alguns acontecimentos desagradáveis no meio do ano o estragou …e ainda teve um final beeem digno rs com muitos acontecimentos mega-emocionantes pós-virada de 94 [hermetismo mode on]

… 1998 (há 10 anos)

98 começou mais que bem, comigo em SP num calor do cão vendo o show do U2 no Morumbi juntamente com o Peter, meu namorado na época e a Bia.. chorei chorei chorei, é assim bem dramática, afinal não sabia quando veria tio Bono de novo… esperara demais… mas teve a parte bombástica da perseguição paparazzi conosco dentro dum carro com os repórteres da Caras, teve o Adam Clayton e Paul McGuinness no extinto club B.A.S.E., teve a vó da Barbie e os japas dançando a macarena dentro do hotel Renaissance onde acharam que a gente tava hospedado (Bia, por favor, scanneie as fotos da Barbie idosa rs) , teve conhaques e charutos carésimos..
ah e o resto do ano? entre outras coisas eu me formei – meu vestido era lindo bordô de veludo alemão Reinaldo Lourenço, cortei o cabelo bem curto pela 1a vez, vi meu melhor amigo se formar um dia depois de mim.. dancei dancei dancei… ano de inúmeras raves oldschool – quando as raves não eram lotadas ainda de patys e playbas…meu aniver foi lindo e pvt com champagne e tudo mais… contudo, teve a parte péssima, minha mãe sofreu uma grave queda quase no final de ano e quebrou o braço de uma forma horrenda, tive que passar vários meses cuidando dela… tb teve a deprê pós-formatura e aquela correria toda de procurar emprego… fiz vários freelas nessa época… foi um ano de superação e mudanças. um bom ano com surpresinhas, todas a seu tempo.

…2003 (há 05 anos)

meu aniver em 2003, sds da mick
minha amiga desde 91

o que falar de 2003 a não ser que foi tudo de bom e tudo de péssimo ao mesmo tempo, às vezes com diferenças de dias… um ano caótico em que as coisas davam certo e errado o tempo todo.. parecia que aquelas confusões iriam se perpetuar 4 ever… mas passou… foi um verão sem grana – bolsista sofre- em poa mas me divertindo pra caramba (sempre tinha uma festa, um churrasco ou qqer coisa que o valha com os amigos nerds)… verão de flanders e polaaaaarrr – piada interna
de ocidente e neo … de pessoas queridas e de gente asquerosa… 03 com meu 1o. blog, que nessa época tinha um ano… arranjei encrencas e conheci pessoas, sendo que algumas continuam minhas amigas offline até hoje (you know who you are people!)… ano de aprendizado, de trabalhar pra caramba, de dar aula, de rever alguém importante por um desses acasos e quase surtar… de sofrimento e dramas familiares.. ano de qualificação da tese, que foi boa e de testar limites.. ano de saudades… uma páscoa deprê e soturna resultado de algumas escolhas infelizes… mas um aniver cheio de esperanças e animadíssimo com muita gente amada no meu apê marcou a segunda metade do ano em que eu ainda confundia zilhões de coisas, em especial, em quem eu podia confiar… pois foi um ano de traições do tipo facadas pelas costas em vários âmbitos… ano de eliminar hábitos não-saudáveis da minha vida – entre eles abrir demais os meus planos pra pessoas que recém conhecera… domingos de mingau no espiral – essa rima é péssima.. sds do espiral, que era o que há!… e pluft.. pra encerrar o ano… toda de rosa hello kitty, num domingo de primavera à tarde que culminou com uma madrugada com um acidente de carro de uma amiga, vi o Gorpo pela 1a vez…nos jogamos na pista e no namoro.. culpa do drum n´bass quebratudo e da caipirinha aditivada… rs brincadeirinha… numa mixagem daqui e outra acolá, 05 anos se passaram e o improvável continua .. é, o tempo voa! 2003 foi difícil mas duradouro e, no fim das contas, tudo valeu a pena!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s