Bono 50: "Some days are better than others"

Hoje é aniversário de 50 anos de Paul Hewson (a.k.a. Bono Vox). Tá certo que andei meio ‘de mal” com ele nos últimos tempos, por conta de algumas atitudes, mas hoje vou me redimir e ter um momementinho fangirl. Afinal, ele é um dos meus irlandeses favoritos e sua música já me ajudou e inspirou muito pela vida afora. Algumas das melhores recordações da minha vida incluem suas canções como trilha sonora, que para mim diziam muito mais do que boa parte do que aprendi na escola. E se, quando eu era adolescente me interessei por conflitos internacionais, por história, política e literatura, acho que dá para dizer que teve influência de Paul. Por causa do U2 conheci bons amigos, partilhei momentos emocionantes com eles (como os shows de 98 e uma viagem a Paris em 97), me interessei pela cultura celta – minhas tattoos comprovam isso na pele, estudei sobre cultura dos fãs – que está inscrita no meu mestrado em 2002 quando pouca gente falava disso ainda aqui no BR – e conheci Neuromancer o que impulsionou minha tese sobre cyberpunk. Então, posso dizer com certeza que minha história de vida teve muito a ver com minha relação quase religiosa como fã do U2. Embora minha fase “devota” tenha esmaecido bastante, não dá para negar que Bono é uma figura carismática e que conseguiu “causar” em sua trajetória do anonimato em um posto de gasolina em Dublin ao mega-estralato mundial. Odiado e amado na mesma proporção. Ao completar 50 anos é justo que eu passe um dia – em que ainda estou de atestado por conta da cirurgia – comemorando e ouvindo minhas canções favoritas. Selecionei cinco, mas digo de antemão que foi muito difícil:

I’ll cross the world for green and gold
But it’s those Spanish eyes
That get me home…home again

Sweet the sin, bitter the taste in my mouth.
I see seven towers, but I only see one way out.
You gotta cry without weeping, talk without speaking
Scream without raising your voice.
You know I took the poison, from the poison stream
Then I floated out of here, singing

You’re an accident waiting to happen
You’re a piece of glass left in a beach
Well you tell me things I know you’re not supposed to
Then you leave me just out of reach 

Simplesmente a number One – melhor descrição de amor ever

Until the end of the world – melhor letra

3 comentários

  1. Aninha · maio 10, 2010

    Amém. De uma fangirl para outra.🙂

  2. aline naomi · maio 11, 2010

    Hmmm… me gusta U2!! =D"Momento U2 Maníaca Descontrol" >> HAHAHAHAHAHA!! *rindo sozinha*

  3. Adriana Amaral · maio 23, 2010

    Aninha – é isso aeee!! uma vez fangilr, fangirl pra sempreAline – essa tag é minha rs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s