It’s time to set, the wheels in motion. I think it’s time to depart

Standing at a railwaystation
Embraced by a night so cold
I’ve been travelling almost every nation
But i still haven’t found those stories you told
All the knowledge i’ve been seeking
All the misery i have found
The commandement of reality
Made me stumble to the ground

A partir de hoje me aventuro em mais uma empreitada, saindo em um semestre sabático de muito estudo como pesquisadora-visitante na University of Surrey, em Guildford, ao sul de Londres na Inglaterra. Nesse novo projeto de Estágio Sênior, que conta com o apoio da CAPES, vou observar questões relacionadas à ageism/”idadismo”, relações de gênero e consumo em subculturas e fandoms, sobretudo em duas vertetes: aqueles relacionados à cultura pop/nerd e às subculturas relacionadas ao gótico, pós-punk, etc.

Estarei trabalhando em colaboração com o pesquisador Paul Hodkinson, uma grande referência em pesquisa sobre subculturas juvenis online e offline, capital subcultural,etc. Quem pesquisar ai no blog vai ver que meus diálogos com esse tema – e com o Hodkinson – já vem de bastante tempo (desde os tempos da minha tese de doutorado sobre cyberpunk), mas só agora consegui materializar as questões em um projeto devidamente estruturado. Espero poder, à medida do possível, ir compartilhando os primeiros resultados dessa nova pesquisa por aqui.

But don’t forget, it takes a lot to change
It’s hard to rearrange
The modern process

I know it’s hard
Leaving all your memories behind
But you’ve got to try
To change your mind

Além dos estudos, é claro, estarei bastante imersa na cultura e nas cenas musicais britânicas e pretendo postar algumas de minhas observações e inferências para quem quiser acompanhar aqui nesse espaço que mantenho há 10 anos.

It’s time to set, the wheels in motion
I think it’s time to depart
It’s time to change my worn-out notions
To ease the pain inside my heart
All the knowledge i’ve been seeking
All the misery i have found
The commandement of reality
Made me stumble to the ground

E, além das questões de estudo/trabalho e culturais, terei muito tempo para repensar em questões existenciais e colocar meu foco bem pra fora dos “mundinhos”. Minha ideia durante esse período é diminuir bastante o tempo gasto com mídias sociais e focar na reflexão, já que meio ano vai passar voando, em meio a algumas conferências e visitas a outras instituições que preciso fazer quando estiver por lá. Então não estranhem o meu sumiço e quem quiser sabe onde me encontrar (email, skype, etc). Nada melhor que um #synthpop dos suecos do Elegant Machinery para fazer a trilha desse dia de partida e de recomeço. Hope to see ya soon. Best regards.

But don’t forget, it takes a lot to change
It’s hard to rearrange
The modern process

I know it’s hard
Leaving all your memories behind
But you’ve got to try
To change your mind

1 comentário

  1. Claudio Lima · agosto 12, 2015

    Sucesso no teu trabalho, Adriana. Vontade e talento tens de sobra. Abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s